::Quadrinhos::


Buffy, The Vampire Slayer
Décima Temporada
2014-2016


Autor: Christos Gage
Artistas: Rebekah Isaacs e Megan Levens

Editora: Dark Horse

btvs
Capas BtVS #1 e Angel & Faith #1

Capas: Steve Morris
Capas Alternativas: Rebekah Isaacs/Dan Jackson (#30)



#1 - #15
  1. New Rules
  2. I Wish
  3. Return to Sunnydale
  4. Day off (or Harmony in My Head)
  5. Love Dares You
  6. Relationship Status: Complicated



New Rules
- Parte 1 (#1)
Rebekah Isaacs

STEVE MORRISREBEKAH ISSACSREBEKAH ISSACS


Santa Rosita, Califórnia. Buffy e Spike estão lutando contra uma horda de zompiros. Ajudando os dois, está Vicki e seu bando - vampiros "normais" que também se sentem ameaçados pelas aberrações criadas quando a magia esteve ausente da Terra. Buffy é rude com Vicki e comenta com Spike que precisa ser assim, porque depois que a ameaça dos zompiros terminar, ela vai ter que matar Vicki e não quer que seja "pelas costas"; Spike diz para ela não se preocupar com isso, pois Vicki e seu bando irão se virar contra eles mesmo, sendo quem são - vampiros sem alma. Ele acrescenta que Buffy certamente não é uma pessoa preconceituosa, já que os dois acertaram tudo entre eles, no que ela concorda meio sem jeito.

Logo chega Willow, teletransportando duas meninas que ela resgatou e que devem ser levadas para fora da cidade, para junto da mãe delas; uma van se aproxima para pegá-las, com Dawn na direção e Andrew de carona. As meninas entram no carro e Buffy e Spike ficam do lado de fora, agarrados à traseira, rechaçando os zompiros que voltaram a atacar. Os dois trabalham em perfeita harmonia, se completam; as meninas, vendo a cena, perguntam se Spike é um vampiro; Andrew explica que ele passou por uma agonia inimaginável para conseguir sua alma de volta, tudo pelo amor não correspondido de uma mulher cuja missão é matar todos de sua raça. E que agora, o torturado anti-herói luta pela causa da justiça, seu charme e seu exterior duro mascarando um bom e nobre coração partido... as meninas (e o próprio Andrew) suspiram...

Xander os espera em um lugar próximo, trabalhando em uma armadilha para os zompiros. Ele não está sozinho - sua ex-noiva Anya está com ele. O fantasma dela, pelo menos. E ela não está muito contente, porque Xander fala sobre os problemas que está tendo com Dawn; desde que ele, para salvar a vida da namorada, traiu Buffy*, as coisas não tem sido mais as mesmas.

*Nona Temporada

Quando a van passa por eles, os zompiros que estão correndo atrás são dizimados pelos raios ultravioletas preparados por Xander. À Buffy, Spike, Willow, Andrew, Xander e Dawn se juntam Billy, Devon e a Caça-Vampiros Anaheed; Billy é um garoto gay que, por ter muita admiração pelas Caça-Vampiros, decidiu se tornar ele mesmo um Caçador, tendo até mesmo sonhado com a [Primeira Caça-Vampiros], privilégio somente das Caça-Vampiros. Já Devon, seu namorado, se autonomeou Guardião. Não há muito tempo para confraternização, pois mais zompiros se aproximam. Vicki e seu bando também retornam para ajudar.

Os zompiros são exterminados e o dia está para nascer; Buffy lembra Spike que ele deve se recolher e o vampiro vai até uma loja de bebidas, pretendendo não só se esconder da luz do sol mas também encher a cara. Buffy diz a Vicki que ela e seu bando podem ir embora para suas criptas, que ela não está com vontade de matá-los e depois se sentir mal por causa disto, mas surpresa: é lógico que Vicki, sendo quem é, se volta contra todos e... debaixo do sol da Califórnia, ataca os Scoobies... e pior, ela e seu bando se transformam em lobos, panteras, morcegos, abelhas e névoas, os mesmos poderes que Drácula, e só Drácula, deveria possuir.

No meio do caos, eis que chegam Faith, Kennedy e mais duas Caça-Vampiros, Leah e Holly.
Faith agora trabalha para Kennedy - que comanda uma empresa de segurança bem sucedida (a Deepscan), está (ainda mais) rica e paga seus funcionários muito bem. Com elas, está um adolescente inglês de óculos, que, com uma magia poderosa, consegue fazer virar pó diversos vampiros-abelhas-onças-morcegos-névoas. Quando Willow presta atenção no garoto, espanto: é GILES! Buffy corre abraçá-lo e os dois caem no choro.* Já Willow e Kennedy estão meio sem jeito uma com a outra.

*Giles foi ressuscitado por Angel na série Angel & Faith, mas as coisas não deram muito certo e ele voltou menino...


New Rules - Parte 2 (#2)
Rebekah Isaacs

                                                                                                                           Aly Fell
STEVE
MORRISREBEKAH
ISSACSAly Fell

Depois de terem matado todos os vampiros, os Scoobies se reúnem em volta do jovem Giles e é claro, não perdem a oportunidade de se fazer notar que ele agora é apenas um menino... Quem aparece em seguida é Eldre Koh, aliado dos Scoobies; Giles se admira, pois nunca tinha visto um demônio Nitobe em pessoa. Koh diz que ainda está a procura do traidor que o colocou na prisão, falsamente acusado de ter matado a sua própria família. Buffy lamenta que a única pessoa que sabia da resposta era Illyria e ela morreu durante a batalha no Poço Profundo*; Koh, enigmático, apenas diz apenas que ela sabe muito pouco sobre os Antigos... Faith e Kennedy se despedem de todos e vão embora.

*Nona temporada

Billy é apresentado para Giles; Andrew conta a ele que o garoto teve visões com a Primeira Caça-Vampiros, mas Giles acha isso um absurdo, só Caça-Vampiros podem ter estas visões e só meninas podem ser Caça-Vampiros. Andrew sugere uma teoria: com a magia criada pela nova Seed, as regras parecem ter mudado completamente, vide os vampiros e seus novos poderes; talvez agora se algo é muito desejado, se torna realidade - Billy queria muito ser um Caçador, os vampiros, é lógico, queriam muito ser invencíveis. Giles então pede para ver o livro Vampyr e Buffy diz que está com ele, mas suas páginas estão em branco. No entanto, uma surpresa: algumas páginas do livro apresentam novamente textos. Giles acha que alguma força poderosa está reescrevendo as novas regras da magia e isso é muito perigoso.

De volta a San Francisco, os Scoobies resolvem investigar o que está acontecendo e, como os poderes apresentados pelos novos vampiros são os mesmos de Drácula, fica acertado que Xander e Dawn vão para a Transilvânia falar com o Conde. Spike - que está indignado porque não recebeu nenhum destes poderes extras, continua torrando se pegar sol e não pode se transformar em nada - sugere que Buffy procure o Detetive Dowling, da Polícia de San Francisco. Buffy fica chocada com ela mesma: esqueceu-se completamente do amigo, que da última vez que estiveram juntos foi gravemente ferido e foi parar no hospital.

A caminho da casa de Dowling, Spike diz para Buffy que ela não deve ficar tão chateada por ter esquecido de Dowling, afinal não é a mulher dele. Mas o vampiro quer saber se os dois tiveram algum envolvimento (ele mesmo havia incentivado Dowling a tentar algo com a Caça-Vampiros, pois achava que a garota merecia um relacionamento "normal") e Buffy conta que, 10 minuos depois deles decidirem que estavam em uma patrulha-encontro, ela desapareceu e ele quase foi morto...*

*Nona Temporada

Ao contrário do que Buffy pensava, Dowling fica muito feliz em ver ela e Spike; ele soube que a Caça-Vampiros esteve ocupada com a doença de Dawn e os problemas em Santa Rosita. Buffy pede que Spike espere um pouco lá fora e fala para o Detetive que não quer nada com ele, pois sua vida é muito complicada para namorar um cara "normal", já teve um namorado assim (Riley) e não deu certo. Ele diz que tudo bem, bem depressa, o que deixa a garota meio ofendida... Buffy vai se queixar para Spike e reclama que para ela as únicas alternativas são ficar sozinha, machucar as pessoas que a amam ou ter relações disfuncionais e desastrosas. Assim que termina a frase, ela vê que falou bobagem e tenta consertar, dizendo que tanto ela quanto Spike estavam muito mal na época, que ele não tinha alma e que o que eles tiveram "não pode ser chamado de relacionamento". Pior a emenda que o soneto, como dizem. Spike fica magoado e diz que precisa tomar uma cerveja; Buffy tenta retomar a conversa e ele diz:

Bloody hell, mulher, nem tudo é sobre você
; às vezes um vampiro precisa beber uma cerveja. Vejo você mais tarde...

Buffy se congratula pelo fora que acabou de dar e fala para ela mesma que o único relacionamento saudável que vai ter é quando visitar Xander e Dawn. Mas a Caça-Vampiros está enganada...

A caminho da Transilvânia, em um dos aviões de Kennedy, as coisas não vão nada bem entre Xander e Dawn. Os dois mal se falam, o clima é estranho. Xander vai ao banheiro e Anya aparece; ele quer falar de quanto está apavorado porque sente que Dawn vai deixá-lo e Anya reclama que renunciou à imortalidade para casar com ele, foi abandonada no altar e acabou morrendo no final. Mas ela diz que não está brava com ele, mas sim porque não sabe a causa de estar assombrando-o; não é por vontade dela. Anya diz que ele deve falar com Dawn sobre o que está sentindo.


New Rules - Parte 3 (#3)
Rebekah Isaacs

STEVE
MORRISREBEKAH
ISSACS

No castelo de Drácula, o Conde fica muito feliz de rever seu lacaio Xander... Drac está magoado porque Xander não responde suas cartas (aquelas que são mandadas pelo correio), Xander retruca que o vampiro não tem e-mail ou instagram... O Conde concorda em ajudar os Scoobies e vai para San Francisco com Xander e Dawn.

No apartamento de Xander e Dawn, Andrew fica encantado com Drácula e quer ser seu lacaio também... mas logo percebe que o Conde é uma pessoa... monstro... muito difícil de se lidar! Giles explica a situação a todos: novas leis da magia estão sendo escritas. Não que a ordem estabelecida não signifique nada (Spike comenta que deseja muita coisa e não está conseguindo nada...), mas se existe um desejo muito forte, ele pode se tornar realidade, como no caso dos vampiros que queriam ser mais poderosos, tomaram Drácula como seu modelo e agora têm os mesmos poderes que ele. Drácula então pede que se capture um dos novos vampiros para interrogá-lo e Buffy sai com Willow.

Sozinho com os outros Scoobies, Drácula sugere que se escrevessem algo no livro Vampyr, isto se tornaria uma nova lei da magia, mas Giles acha que isso seria desastroso. Drácula quer tentar de qualquer modo e quando vai pegar o Vampyr, Giles tenta impedi-lo, mas Xander, o lacaio, bate na cabeça dele com o livro e o garoto Guardião desmaia. Uma confusão se inicia e Spike, que estava dormindo no quarto ao lado, aparece na sala; ele ataca Drácula, mas logo é contido por Xander, dando oportunidade para o Conde enfiar a espada na barriga dele. Quando Drácula e Xander estão deixando o apartamento (com o livro), Andrew diz a Dawn para falar para Xander que o ama, para quebrar o domínio que o Conde tem sobre ele, e a garota o faz, mas Xander responde "não ama, não".


New Rules
- Parte 4 (#4)
Rebekah Isaacs

STEVE
MORRISREBEKAH
ISSACS

Buffy e Willow chegam com um vampiro prisioneiro e se assustam com o cenário que encontram. Buffy corre para Spike para saber se ele está bem e o vampiro diz que sim, que já está se regenerando. Quando vê que foi enganada por Drácula, a Caça-Vampiros estaqueia o prisioneiro. Giles conta a Buffy sobre a nova teoria: o que quer que seja escrito no livro, se tornará uma nova lei.

Em um hotel de luxo, Drácula mostra a Xander sua verdadeira forma, um homem velho, e manda o lacaio escrever no livro que "Drácula foi restaurado em toda sua juventude, vigor e beleza", o que imediatamente se torna realidade.

No apartamento, Giles e Willow estão tentando um feitiço de localização, enquanto
Buffy, Spike e Dawn vão a alguns bares suspeitos tentar achar alguma pista do lugar onde Drácula se esconde; eles não conseguem nada, mas Spike nota que em nenhum deles havia vampiros e se pergunta aonde eles estariam?

Estariam reverenciando Drácula, é lógico, porque Xander escreveu no livro "que todas as criaturas vivas e mortas-vivas, naturais e sobrenaturais, reconhecem Drácula como o Lorde de todos os vampiros"... Mas como sempre, as coisas não são assim tão simples quando se lida com magia e coisas sobrenaturais. Tudo tem um preço. Drácula sendo reconhecido como Mestre de todos os vampiros leva a alguns mais ambiciosos a quererem tirá-lo do posto. Depois de algumas tentativas de assassinato, Drácula decide que precisa de mais proteção, e Xander escreve no livro: "Drácula se torna o vampiro mais poderoso de todos".

No apartamento, nenhum feitiço está funcionando para achar o esconderijo do Conde; até que Andrew lembra que Spike é um... vampiro. E que, portanto, Drácula é seu mestre. Spike fica indignado, porque ninguém é seu mestre... exceto, é claro, o Lorde de todos os vampiros, Drácula! Usando Spike para localizar Drácula, Buffy, Willow, Dawn, Giles e Andrew chegam até o hotel onde ele está hospedado bem na hora que a lei escrita no livro está se concretizando: Drácula está se transformando (com muita dor) em algo terrível. Enquanto Buffy e Spike atacam o monstro, Giles, Willow e Andrew tentam descobrir o que está acontecendo. Dawn lembra que Xander tem uma grande conexão com seu mestre Drácula e que ele poderia entrar na mente do vampiro e obter uma resposta. Xander o faz e o que vê é assustador: milhares de anos atrás, a Terra era habitada e dominada pelos demônios, os Antigos, e um deles era Maloker. Até que os homens das cavernas usando magia os aprisionaram no Poço Profundo, não sem antes Maloker tentar criar um exército para ele, mordendo humanos e dando origem aos vampiros.

A tumba de Maloker estava aprisionada no Poço Profundo e a Caça-Vampiros marginal Simone Doffler o tinha acordado de seu sono profundo, mas o Antigo acabou morto quando o lugar explodiu*. Mas sua essência só ficou espreitando por uma oportunidade para voltar e isso aconteceu quando Drácula quis se tornar o mais poderoso de todos os vampiros. Aos poucos, o Conde está deixando de existir para dar lugar para a monstruosidade que é Maloker - que não para de aumentar de tamanho.

*Nona Temporada

Enquanto Buffy e Spike tentam conter um Maloker cada vez maior e mais forte, Giles faz alguns feitiços e Andrew, junto com Xander, tentam escrever algo no livro que desfaça a nova lei. Mas nada adianta: "de repente, a transformação de Drácula foi desfeita" ou " tudo não passou de um sonho" o livro não aceita. Os Scoobies ainda não sabem de que se trata de Maloker; Buffy, que esteve no Poço Profundo, finalmente o reconhece e todos ficam chocados. O agora gigantesco vampiro está fazendo o hotel ruir e todos correm para a rua.


New Rules
- Parte 5 (#5)
Rebekah Isaacs

STEVE
MORRISREBEKAH
ISSACS

Giles lembra a Buffy que Maloker, sendo o progenitor de todos os vampiros, passou a eles as suas próprias vulnerabilidades, portanto pode ser morto como qualquer vampiro. Mas achar uma estaca adequada ao seu tamanho, é outra conversa... eles avistam um edíficio com uma torre pontuda que pode servir, mas ela não é de madeira - mas se for abençoada deve servir e Willow arranja um (assustado) padre para fazê-lo. A bruxa também transforma Dawn em uma gigante, para distrair Maloker, enquanto pede para Xander continuar pensando no que pode ser escrito no livro para que Drácula volte ao normal.

Buffy e Spike conseguem furar os olhos de Maloker e Dawn o empurra em direção a torre pontuda abençoada; Maloker vira pó e Drácula reaparece, pelado, no meio da rua. Mas sua transformação em Maloker vai começar de novo, pois é uma lei escrita no livro; o Conde não quer passar por tudo novamente e pede a Buffy que o mate. Quando a Caça-Vampiros esta prestes a fazê-lo, Xander chega e Drácula agradece a lealdade dele e o liberta da servidão, dizendo que seria uma honra se fosse Xander que acabasse com tudo. Xander concorda; ele então escreve no livro:

A maravilhosa força de vontade de Drácula deu a ele força para lutar contra Maloker e renunciar aos poderes que havia adquirido; e todos que estavam sob o poder de Drácula, estão livres.

Drácula e Xander se despedem, prometendo ficar em contato, continuando amigos - e não mais lacaio e senhor. O Conde pede que todos tenham cuidado com o livro, pois viu o desastre que pode ser se ele cair em mãos erradas.

Mais tarde, no apartamento de Xander, eles recebem a visita de D'Hoffryn, que também está atrás do livro Vampyr; ele está reformulando seu Conselho, cujos membros foram mortos durante a batalha no Poço Profundo. É claro que Buffy se recusa a dar o livro, mas aceita uma aliança com D'Hoffryn. Xander fala com ele sobre estar vendo Anya - D'Hoffryn era o chefe dela quando ela era demônio da vingança - e ele diz que não sabe o que está acontecendo, que o espírito dela está preso neste plano e não deveria ser assim, prometendo que vai investigar.

Dawn finalmente confessa o que está errado entre ela e Xander: desde que foi salva de desparecer (pois era A Chave e quando a magia acabou na Terra, sua existência também acabaria), ela voltou a ter a memória de quando tinha 14 anos, idade em que foi criada pelos monges. Portanto, apesar de gostar de Xander, uma paixonite de adolescente, não o ama e acha a coisa toda - estar vivendo com ele - muito estranha. Xander fica arrasado, mas diz que, se ela se apaixonou uma vez, ele vai fazer com que isso aconteça de novo.

Do lado de fora do prédio, Buffy e Spike estão em um telhado vizinho, observando Dawn e Xander separados, cada um em um quarto diferente, tristes. Spike comenta que eles vão ter um longo caminho pela frente e Buffy acrescenta que vai ser um longo caminho para todos eles, por causa do maldito livro. Que é ruim ela ter esta responsabilidade, mais seria pior se o livro caísse em mãos erradas. Mas como ela irá escrever as novas leis da magia? Spike a acalma, dizendo o que ela mesmo já tinha dito antes: você não o fará sozinha, nós todos faremos isso juntos. E que ela soube lidar bem com a sua vida: perdeu a mãe, o pai é um idiota, acrescente-se as hordas do inferno tentando matá-la desde sempre, e ela não está numa maldita camisa de força. Buffy concorda que não é tão ruim assim, ela tem os amigos; Spike diz que é exatamente o que ele quis dizer: todos temos duas famílias: uma na qual nascemos e outra, que escolhemos. E parece que ela escolheu uma muito boa, ele acrescenta, enquanto os dois observam pelas janelas do apartamento Xander, Dawn, Andrew, Willow e Giles. Buffy diz que Spike está certo sobre isso e o vampiro concorda e diz que tudo vai acabar bem... e acrescenta:

Se não acabarmos massacrados pelas hordas de demônios que estão querendo por suas garras no livro...

Buffy faz uma cara triste. E o vampiro emenda:

Em um desses séculos vou aprender a hora de calar a boca!


I Wish - Parte 1 (#6)
Cliff Richards
 

STEVE
MORRISREBEKAH
ISSACS

Buffy está insatisfeita e resolve deixar o apartamento que dividia com Anaheed e
Tumble; o problema é que os aluguéis em San Francisco são muito altos e será difícil encontrar uma nova moradia. Willow está com o mesmo problema, precisa se mudar, mas o dinheiro é curto; Xander e Dawn estão separados e não querem mais dividir o mesmo apartamento e Spike está dormindo em um colchonete no apartamento de Andrew.

A solução aparece quando o Detetive Dowling passa para os Scoobies um caso de um edifício mal-assombrado e a proprietária faz um acordo com eles: se conseguirem se livrar da assombração e resolver o mistério de dezenas de crianças desaparecidas (filhos de imigrantes residentes no prédio), eles podem alugar apartamentos por um preço bem abaixo do mercado. O problema do edifício é um demônio que sequestra crianças e as leva para sua dimensão, para viverem uma vida perfeita - ao contrário da que tinham com suas famílias miseráveis de pais abusivos e/ou ausentes.

Assim que entram no prédio, Buffy, Spike, Willow, Giles e Dawn são transportados para tal universo, devido ao feitiço que Giles estava fazendo para descobrir qual era o problema do lugar. Cada pessoa vive sua fantasia de perfeição: Buffy se acha em sua casa, com Dawn e seus pais juntos e felizes; a mesma coisa com Xander - seus pais não estão discutindo, o pai não está caindo de bêbado. Giles está feliz, brincando, sendo apenas uma criança, coisa que não foi possível pois seu pai o mandou para a Academia de Guardiões muito cedo. Já Spike não está em um momento muito feliz: sua mãe reclama das garotas que vem incomodar seu querido filho William e pede que ele as ignore para ler poesia para ela, parecendo mais possessiva e cheia de maldade do que sua mãe real.*

*Como foi apresentada em Lies My Parents Told Me/Sétima Temporada.

Todos estão em casas de uma mesma rua e, quando os pais de Buffy a mandam matar Xander porque ele significa problema, a Caça-Vampiros percebe que o que está vivendo é uma fantasia e consegue se libertar da ilusão; ela vai até os outros e todos começam também a voltar à realidade - exceto o pequeno Giles. O menino não quer deixar aquele lugar feliz e tem ao seu lado todas aquelas crianças desaparecidas, felizes com suas vidas de mentirinha. No final, Buffy consegue convencer a todos a voltarem para a realidade e as crianças, apesar de muito tempo já ter se passado, são entregues a parentes próximos. O portal para a outra dimensão é fechado definitivamente.

Com o acordo feito com a proprietária do edifício, Buffy, Willow e Dawn passam a dividir um apartamento; e Xander e Spike, outro. Willow providencia segurança mágica para o lugar, para a proteção do livro Vampyr.


I Wish - Parte 2 (#7)
Rebekah Isaacs
 
STEVE
MORRISREBEKAH
ISSACS
 
No novo apartamento, Xander e Spike começam a implicar um com o outro já durante a mudança: Spike chega com duas caixas cheias com a revista Soap Opera Digests ("resumo das novelas"), e diz que elas são uma biblioteca essencial - afinal, a novela que ele tanto ama, [Passions]*, teve mais de 2.000 episódios... e Xander não deixa lugar nas estantes pois as ocupa com seus brinquedinhos - isto é, com suas figuras de ação ou maquetes de super-heróis. No meio da bagunça na sala há até um caixão...

Enquanto Willow termina o feitiço de proteção no apartamento das meninas, o livro fica com Spike e Xander. Spike comenta que eles teriam o poder de escrever qualquer coisa e torná-la realidade e Xander acusa o vampiro de querer escrever que Buffy o ama. Spike diz que jamais faria isso, que quando não tinha alma sim, mas não agora. E de qualquer modo, já superou seu amor por Buffy, eles agora têm uma relação madura, entre pessoas maduras, tudo muito maduro... Spike sugere que Xander poderia escrever no livro que Dawn o ama - pois isso é verdade, a garota apenas não lembra pois teve sua memória dos últimos anos apagada, então seria apenas uma correção da magia que estragou o relacionamento dos dois. Xander diz que já pensou nisso, mas prefere não mexer com isso, as coisas podem acabar mal.

Spike volta a falar que está bem, feliz como as coisas estão, sendo apenas amigo de Buffy... Xander, que está tendo problemas em controlar sua raiva, tem um de seus ataques e grita que Spike é um mentiroso que não consegue enganar nem a si mesmo: é óbvio que o vampiro ainda ama a Caça-Vampiros!

Depois da discussão, Spike e Xander vão até um bar afogar suas mágoas em relação às irmãs Summers. Duas garotas muito lindas aparecem, vão até a mesa dos dois e começam uma conversa, dizendo exatamente coisas que os dois adorariam ouvir: uma fala de poesia para Spike e a outra, sobre construção com Xander. Elas convidam os dois para transarem com elas - os dois se desculpam, explicando que estão em uma situação amorosa complicada, mas antes que possam dizer não, já estão sob o controle das duas meninas, que na verdade são sereias! Elas levam os dois até a Mestra - o sexo é na verdade com uma sereia velha e obesa e não com as duas beldades (que mesmo como sereias escamosas ainda despertam interesse em Spike e Xander).

O fantasma de Anya aparece e tenta convencer Xander que eles estão em perigo, que depois da transa, serão mortos - mas o ex-noivo não quer nem saber de ouvir a verdade; o que ele escuta é apenas o poderoso canto da sereia. No covil, as sereias, para seu prazer, fazem que Spike e Xander - só de cuecas - participem de uma batalha de travesseiros! Anya então tem a ideia de sugerir a Xander, nos poucos segundos que ele a ouve, que fure os ouvidos de Spike para que o encantamento sobre ele seja quebrado. Xander pega dois garfos para fondue da mesa, pula em Spike e fura seus ouvidos. Não ouvindo mais o canto mágico das sereias, Spike sai do transe, se transforma em vampiro e se pergunta porque está só de cuecas com Xander montado em suas costas... eles conseguem matar as duas sereias (a chefona consegue escapar) e prometem um ao outro nunca comentar com ninguém a batalha de travesseiros.

Mais tarde, Spike e Xander estão em um bar contando a Dowling a aventura com as sereias e o Detetive diz que a polícia vai tentar encontrar a que fugiu. Xander deixa o lugar e o fantasma de Anya aparece e diz que gostaria de saber porque ela está presa à Terra, qual seria sua missão; talvez ajudar o ex-noivo a ter uma relação madura? Xander está chegando em casa quando vê Dawn conversando com um rapaz. Ele sobe para seu apartamento e olha o livro com tristeza - talvez pensando se não deveria escrever nele que Dawn o ama?

Dowling pergunta se Spike ainda ama Buffy; o vampiro fica irritado:

Mas será que todo mundo acha que sou um garoto apaixonado?!

Eles saem do lugar e logo Spike se rende dizendo que as coisas não mudaram... mas acrescenta que está se sentindo bem como as coisas estão, fazendo progresso dia após dia.

No bar, uma garota aparece à procura de Spike; ela fala para o barman que o vampiro é "o cara que ela deixou escapar" e que seu nome é Dylan.*

*Dylan é uma personagem que aparece na história Spike: Into the Light, escrita por James Marsters. Ela foi baseada na mulher de James, Jasmine Marsters. Segundo o que está no livro, a história se passa no começo da Sétima Temporada de Buffy, o que é contestado por muitas pessoas, pois como Spike teria ido para outra cidade antes de Sunnydale (logo após de conseguir sua alma na África) e então se envolvido com Dylan? E ele está com seu famoso casaco, que ele só retornou a usar em Get it Done. E no livro ele bate em alguns marginais humanos, então já está sem chip... é confuso.


Return to Sunnydale
- Parte 1 (#8)
Rebekah Isaacs
Richard Corben
 
STEVE
MORRISREBEKAH
ISSACS

Buffy está furiosa: Spike e Xander se descuidaram e o livro Vampyr SUMIU! Como é impossível que alguém estranho tenha passado pelas proteções mágicas do lugar*, o culpado só pode ser alguém do grupo e logo eles concluem que é Andrew. Willow colocou um localizador mágico no livro e é revelado que Andrew está a caminho de... Sunnydale!

*Para o feitiço, Willow usou a palavra "nós" para resumir quem poderia chegar perto do Vampyr - isto é, ela mesma, Buffy, Xander, Giles, Dawn, Spike e Andrew.

Buffy, Spike e Willow seguem para os escombros da cidade, onde está havendo uma grande festa de Halloween - desde que o supernatural deixou de ser segredo para o mundo, muitas pessoas vão comemorar o feriado na Boca do Inferno!

Nas profundezas de Sunnydale, vive o demônio chamado Devorador de Almas, que, como o nome já diz, se alimenta e se fortalece consumindo almas. Ele é antigo e está sedento de vingança: há muitos anos, sua família (monstros também as tem, não é?) foi morta por uma Caça-Vampiros - e Buffy está indo diretamente em sua direção...

Andrew chega na grande cratera e logo acha o que está procurando, um dos antigos esconderijos do [Trio] (formado por ele, Jonathan e Warren). No lugar, existe amostras de sangue de Warren e de Jonathan em tubos de ensaio; além disso, a consciência de Jonathan foi conservada e Andrew fala com o holograma do amigo, dizendo que o matou quando estava sob influência do Primeiro Mal e que tentou trazê-lo de volta como um robô, mas não funcionou. Para que Willow não possa mais rastrear o livro, Andrew o guarda em uma mala que bloqueia o sinal emitido por ele.

Logo depois chegam os Scoobies e Spike é reconhecido por um dos festeiros: William The Bloody! O vampiro fica todo satisfeito, mas logo o sujeito esclarece:

Não da poesia, que era horrível, mas do matador!

Spike fica furioso, grita que o fulano não entende nada de pentâmetro iâmbico!* Buffy tem que puxá-lo pelo braço, para não sair briga...

*Tipo de métrica que é utilizado em poesia.

Os três chegam até o esconderijo onde Andrew esteve pouco antes e concluem
que ele está querendo ressuscitar Warren. Neste momento, o Devorador de Almas aparece e os ataca; eles conseguem escapar e voltam para a superfície. Willow acha que Andrew vai usar o DNA de Warren e o que sobrou de seu corpo e foi enterrado pela família: sua pele*. Ela diz para Buffy e Spike irem atrás do monstro, enquanto ela mesma vai procurar Andrew e tentar impedí-lo.

*Segundo o que foi contado na Oitava Temporada, Willow não matou Warren, apenas o esfolou; ele foi salvo no último segundo pela bruxa Amy, e mantido vivo sem pele com magia. Quando a Seed foi destruída e a magia na Terra acabou, Warren morreu; ele estava na Itália com Amy.

Buffy e Spike entram nos túneis que existiam sob Sunnydale e que não desabaram por completo com a destruição da cidade e acabam por chegar até o cemitério onde ficava a cripta em que Spike morava. Buffy lança um olhar suspeito para Spike e diz para que o vampiro não fique nostálgico porque eles têm trabalho a fazer... Spike, por outro lado, diz que isso não é problema, que uma das razões de ele não ter voltado a morar na cripta depois que conquistou sua alma é porque não gosta de lembrar de quem ele costumava ser. Buffy argumenta que lembrar os erros cometidos é uma coisa boa, a fim de não cometê-los novamente. Spike aproveita a deixa e começa a se desculpar pelo que aconteceu após ela terminar com ele, mas Buffy se apressa a dizer que não estava se referindo a ele. Ela diz que não pode culpá-lo pelas coisas que aconteceram quando ele não tinha alma, assim como não culpa Angel pelos anos que Angelus passou matando freiras. Reafirma que Spike é uma pessoa diferente agora e que ela também é, que na época em que eles ficaram juntos, ela estava muito mal, tinha sido arrancada do Céu pelos seus amigos e não podia ficar brava com eles por causa disso, então odiava a si mesma e tinha necessidade de se punir, afundar tão baixo quanto se sentia. Quando percebe que Spike ficou profundamente magoado com o que ela acabou de falar, Buffy começa a se desculpar: "Meu Deus, isso soou tão errado-" mas é interrompida pelo Devorador de Almas.

Perto dali, Willow analisa tudo o que viu até o momento: por que Andrew precisou vir até Sunnydale para fazer um feitiço de ressurreição (que ela sente que está acontecendo naquele mesmo momento)? Ela se dá conta que o tubo de ensaio com o sangue de Warren foi na verdade quebrado pelo próprio Andrew e que para ressuscitar Jonathan, ele não precisaria ficar em Sunnydale. Quem Andrew estaria querendo ressuscitar?

Andrew está sentado em frente a uma lápide do antigo cemitério de Sunnydale. Ele está começando o feitiço de ressurreição - de Tara, a namorada de Willow assassinada por Warren.


Return to Sunnydale - Parte 2 (#9)
Rebekah Isaacs
 
STEVE
MORRIS
REBEKAH
ISSACS

Enquanto Spike e Buffy lutam contra o Devorador de Almas (
que quer matar a Caça-Vampiros a fim de vingar a morte de sua família), Willow finalmente chega a conclusão de quem Andrew quer ressuscitar: Tara!

Livres por um momento do Devorador, Buffy liga para Giles em San Francisco (tem sinal nas profundezas de Sunnydale!!!) e ele conta que a família do Devorador foi morta por uma Caça-Vampiros asteca e que para matá-lo eles devem ferí-lo na cabeça.
Depois que Buffy desliga, Spike pede a ela que o estaqueie caso tiver sua alma consumida; Buffy fica horrorizada, diz que jamais fará isso, que se acontecer eles darão um jeito, restauram a alma e pronto. Spike responde que não nesse caso, pois sua alma seria destruída e ele não quer voltar a ser o outro novamente. Buffy o tranquiliza, dizendo que Spike - o outro - não era assim tão mal:

Você - ele - salvou nossas vidas mais de uma vez, cuidou de Dawn, você me amava...

Spike no entanto diz que não amava, ele podia jurar que sim, mas que não era real, era um amor egoísta. Buffy não concorda, diz que pessoas normais podem ser bem egoístas e cita o exemplo de seu próprio pai (o pai de Buffy está ausente de sua vida desde que ela era uma adolescente)*.

*É óbvio lendo os diálogos que Buffy compara o ausente pai dela ao Spike que sempre esteve ao seu lado, sem alma, mas na época em que ele tinha o chip implantado em seu cérebro. Buffy não compara seu pai ao vampiro que matou milhares de pessoas, achando que o pai dela é alguém pior do que um assassino, como muitos que odeiam Spike e o casal Spike-Buffy querem por que querem fazer parecer, publicando coisas estúpidas em fóruns da dedicados à série. O problema com os que odeiam Spike e Spuffy é que eles "esquecem" coisas como o vampiro cuidando de Dawn quando Buffy estava morta, Spike não querendo matar ninguém quando estava sem memória (Tabula Rasa), Spike tentando proteger Dawn de ser morta na torre (The Gift) e tantas outras coisas que os dois enfrentaram juntos.

Buffy ainda afirma que a bondade sempre existiu dentro de Spike e era tão forte que não precisava de uma alma para vir à tona. O vampiro argumenta que não era tão forte a ponto de sempre vencer, de evitar que ele fosse um assassino, ou... Buffy e Spike são atacados novamente pelo Devorador de Almas.

Andrew está trabalhando no feitiço de ressurreição, usando o aplicativo [Siri] e tentanto escolher as melhores palavras a serem escritas no livro Vampyr - que, como se sabe, se não forem bem pensadas e pesadas podem resultar em total desastre. Neste momento, ele é interrompido por Willow. A bruxa fala que pensou em usar o livro para trazer Tara de volta para ela, mas chegou a conclusão que não era a coisa certa a se fazer; ela tenta parar o feitiço, mas a proteção colocada por Andrew a impede. Então, Willow tenta convencer Andrew a parar com o que está fazendo; o garoto diz que Buffy foi ressuscitada e Willow argumenta que a Caça-Vampiros foi arrancada do Céu e sofreu demais por isso - e ela só passou alguns meses por lá, Tara já morreu faz anos. Trazê-la de volta agora seria cruel e egoista.

Buffy e Spike continuam às voltas com o Devorador; o monstro agarra Spike com seus tentáculos e diz que a alma dele é cinza e está comprometida e não serve para ser consumida, mas que ele vai consumir assim mesmo. Buffy chega a tempo, corta os tentáculos e libera o vampiro, ainda com sua alma intacta. Porém, o monstro agarra novamente o vampiro e agora também Buffy. Spike pede que ela se solte e corra, mas Buffy diz:

Sem chance, o que quer que aconteça, acontece com nós dois!

Andrew continua se recusando a parar o feitiço. Ele diz que Willow trouxe Buffy de volta e, se no início, as coisas foram ruins, tudo acabou bem e todos estão juntos e felizes.

Angel matou Giles, mas ele foi trazido de volta e todo mundo está extasiado. Xander traiu a nós todos, mas no final tudo deu certo e ele foi perdoado; é um membro da família novamente. Quanto a mim... eu sei, vocês não confiam em mim... sempre me deixam de lado... por causa do papel que eu tive na morte de Tara...

Willow pede desculpas a Andrew se ela e seus amigos o fizeram se sentir assim, mas que trazer Tara de volta, fazer isso com ela e comigo não é a solução... Andrew comanda o Siri para que pare o feitiço. Os dois se abraçam e choram.

Com o cancelamento do feitiço, que estava alimentando o Devorador de Almas (por causa da abertura de uma dimensão cheia de almas puras, onde está Tara), começa a perder força e a diminuir de tamanho, possibilitando Buffy e Spike escaparem de seus tentáculos. Mas Sunnydale - que já havia acabado em uma cratera enorme - começa a desabar novamente. Buffy se dá conta que não vai dar tempo de chegar à superfície, mas Spike diz que eles têm que tentar mesmo assim...*

*Obs.: Curiosamente, os dois estiveram em uma situação semelhante anos atrás, quando, na Boca do Inferno, Spike estava usando o medalhão que iria destruir todos os Turok-Hans e Buffy, ao seu lado, vendo que não haveria salvação para Spike, disse que o amava (Chosen). Daquela vez, Buffy conseguiu escapar e Spike morreu.

Os dois correm para tentar salvar suas vidas e Buffy - achando que não vão conseguir sair vivos dali - olha para o vampiro e o chama: Spike... parece querer falar algo importante para ele, mas neste exato momento, os dois são salvos por Willow, que, por magia, os resgata dos escombros e os leva para a superfície são e salvos.

Andrew se desculpa pelo que tentou fazer e se conforma que está "fora do grupo". Mas Buffy o tranquiliza - não antes de dar uma bronca pela estupidez do garoto - dizendo que todos já superaram a coisa toda de Super Vilão, do Trio, e que é ele quem precisa deixar isso para trás. Que tudo o que aconteceu ficou no passado; que não esqueceram, mas agora todos são pessoas diferentes:

Somos melhores, mais fortes, mais esp
ertos, amadurecemos. Estamos juntos e confiamos uns nos outros.

Buffy admite que Andrew não é o único que precisa deixar as coisas pra lá, ela mesma ainda fica meio irritada com a história de ter tido sua consciência colocada em um robô, mas ao mesmo tempo perdoou bem rápido Xander por tê-los traído. A diferença é que Xander sabe que o que fez foi errado e porque, e não fará mais isso. Será que Andrew entende que o que fez foi errado? E não fará novamente? Andrew jura que não e abraça as meninas - Spike faz questão de ser deixado de fora. Buffy convida Andrew para vir morar no edifício, mas ele diz que prefere continuar em Oakland, a cidade é mais cool do que San Francisco... Andrew parte em seu carro e Buffy diz que é melhor Spike lembrar onde estacionou o deles se não quiser virar pó com o sol que está para nascer...

De volta ao seu apartamento em Oakland, Andrew fala com o holograma de Jonathan e conta que aprendeu uma grande lição - nunca mais vai mexer com a vida de ninguém - sem ANTES pedir permissão. E é o que faz:

Jonathan, você quer que eu construa para você um novo corpo?

Ao que Jonathan responde:

Sim! Pode ser mais alto?


Day Off (or Harmony in My Head)
(#10)
Rebekah Isaacs
 
STEVE
MORRIS
REBEKAH
ISSACS

Willow está se arrumando para uma entrevista de emprego em uma empresa de computação; Buffy recebeu uma oferta da mesma empresa, mas prefere se dedicar integralmente ao seu trabalho como Caça-Vampiros. Willow sugere então que Buffy seja consultora da polícia, assim como Spike, que está prestando serviços para o Detetive Dowling na Força Tarefa Contra Vampiros, mas ela prefere trabalhos freelancers, já que consultoria paga pouco mesmo - e ela não é como Spike, cujo guarda-roupa não muda desde 1974, além dele não precisar comprar comida...
Sobre ser responsável em supervisionar a escrita das novas Leis da Magia no livro Vampyr, Willow diz que está assustada com tanta responsabilidade - que se ela fizer algo errado, ela pode arruinar tudo... Buffy reassegura Willow, dizendo que ela é uma pessoa boa e inteligente e não está fazendo isso sozinha.

E Buffy tem mais com o que se preocupar: em seu apartamento estão um Leprechaun bêbado que durante a madrugada irritou tanto um daqueles Gatos da Sorte chineses que quase ele (o gato) foi a loucura, e ainda Cedric, um monstro pegajoso que faz com que Dawn encha a sala com baldes para recolher a gosma que pinga sem parar do corpo dele, todos lobistas que estão ali para negociar as novas leis da magia. De repente, aparece na sala [D'Hoffryn] e a conferência prossegue.

Em seguida, quem chega ao apartamento de Buffy é a vampira Vicky, que também veio tratar sobre as novas leis - Vicky é da nova geração, aquela que tem poder de se transformar em morcego, pantera, abelha ou névoa e que não frita no sol. Com ela está ninguém mais ninguém menos do que Harmony - a grande líder de um movimento que prega o não assassinato de humanos e beber sangue só com permissão da pessoa. Buffy fica extremamente infeliz em rever Harm, mas abre um grande sorriso ao ver o assistente dela, [Clem] (o amigo de Spike). Harmony sugere que seja escrito no livro que os novos vampiros percam seus poderes de se transformar durante o dia, já que qualquer mudança radical - como eliminar tais poderes completamente - o livro não aceita. E isso está de acordo com o livro de Bram Stoker, Drácula - o Conde também perde seus poderes sob a luz do sol. Vicky detesta a ideia, mas é obrigada a aceitar o acordo.
Tudo resolvido, Buffy, Willow e Dawn decidem que merecem um dia de folga e vão para um spa. Spike e Xander ficam responsáveis pelo livro. No apartamento vazio, uma sombra de alguém sussurra em um canto: é isso aí, vão embora. Nada para ver aqui. Idiotas.

Xander deixa o apartamento para ir
à consulta com o psicólogo e Spike pega algumas pastas com casos sobrenaturais para estudar (ele está trabalhando como consultor para a Força Tarefa Contra Vampiros da Polícia de San Francisco). Batem na porta - são Harmony e Clem! Spike fica feliz em ver o velho amigo; com Harm, ele tem algo para falar sobre a última vez que se viram (em Londres, no apartamento de Faith, quando fizeram uma maratona de sexo...)*, e pede que Clem os deixe a sós.

*Angel & Faith, Death and Consequences - Nona Temporada

Clem diz que é o biógrafo oficial da vampira e sabe de tudo o que aconteceu em Londres, em detalhes... Spike então se desculpa por ter sido grosso com ela, ele queria provar que ainda tinha jogo e estando perto de Angel, sabe como é... Harmony nem deixa Spike terminar:

Ah, adorável, mas fui quem usou você, baby! Foi importante para o meu crescimento pessoal, usar a pessoa que sempre me usou, provar a mim mesma que sou eu quem está em uma posição de poder agora.

E acrescenta, cutucando o vampiro:

Naquela noite, eu definitivamente estava em uma posição de poder se é que você me entende...

deixando Spike bastante desconfortável e querendo encerrar o assunto... Spike diz que então está tudo bem entre eles, que ele na verdade quer se desculpar por tudo, não só por aquela noite; ressalta que eles são pessoas diferentes agora, ela líder dos vampiros, ele não mata mais... continua o bonito discurso para Clem, de costas para a traiçoeira Harm, que pega um espalhador de brasa da lareira e bate na cabeça de Spike com tanta força que o deixa desacordado!

Harmony, lógico, está interessada no livro; a vampira manda Clem escrever nele que ela é muito poderosa, que todos a acham linda e inteligente e fazem tudo o que ela manda, que os humanos adoram serem sugados por vampiros, que os homens por quem ela se interessa estarão sempre apaixonados por ela e que quando são dispensados, vão embora e não incomodam, porém continuam apaixonados e sofrendo por causa dela... Para provar que não é assim tão egoísta, manda Clem escrever que Buffy, Spike e Angel vivem os três juntos em harmonia, em um casamento poliamoroso... e, finalmente, que unicórnos existem.

No spa, as meninas conversam sobre relacionamentos e Buffy comenta sobre Dawn estar perdendo tempo estando separada de Xander, se demorar muito para ela voltar para ele, Xander pode partir para outra. Dawn responde que o que Buffy está dizendo pode ser aplicado a ela em relação a Spike, Angel ou Dowling...

Clem pede um tempo para Harmony e ela fica brava por achar
que ele colocou no livro que ela o ama (Clem é apaixonado por Harm), mas ele diz que jamais faria isso, não seria verdadeiro. Spike recobra os sentidos e toma o livro de Clem - o amigo não escreveu nada do que Harm mandou. A vampira fica furiosa e Clem explica que sabe que o livro pode ter efeitos secundários graves e não gostaria de ver Harmony em perigo; mas que dedicará sua vida a fazer o mundo amar Harmony, de uma forma natural e não forçada. Harm dá um tapa nele e sai do apartamento - Clem vai atrás, é lógico. Spike olha o livro novamente... e Clem escreveu algo nele sim: Unicórnios existem. Quando Harmony chega na rua encontra um belo unicórnio!

Sozinho, Spike tem o livro Vampyr nas mãos e fala para si mesmo:

Cumprindo a [profecia Shanshu], William The Bloody é restaurado em sua forma humana; ele e a Caça-Vampiros vivem juntos, com amor e felizes para sempre.

Xander, que está chegando em casa, escuta o que o vampiro acabou de dizer e Spike explica que na verdade, pela primeira vez, ele sente que está feliz, sendo apenas amigo de Buffy, que está pronto para seguir em frente. Que se sente mais próximo a ela agora, do que quando faziam sexo e que os dois estão fazendo o que é melhor para ambos.

Buffy está de volta do spa e vai checar o livro no apartamento dos meninos. A porta está aberta e Buffy escuta o que Spike disse... e vai embora completamente desapontada com o que ouviu. Quando Willow pergunta se está tudo bem com o livro, Buffy mente que Xander estava dormindo e que vai checar "mais tarde, não tem pressa". A impressão é de que ela não estava falando do livro...

Nas profudenzas de uma mina em Antioch, Califórnia, estão reunidos a Mestra (a chefona das sereias), o Devorador de Almas e o Escultor, confabulando sobre como vão derrotar a Caça-Vampiros. Eles esperam a chegada de um velho amigo que os ajudará na tarefa... A força de Buffy vem de sua aliança com seus amigos, que a amam, mas devido a quem é esse velho amigo que está por vir, essa força será sua fraqueza por causa da pessoa com quem a Caça-Vampiros se aliou. Por enquanto, eles não precisam fazer nada, só devem observar o estrago que esse misterioso personagem vai fazer na vida da Caça-Vampiros.


Love Dares You - Part 1 (#11)
Megan Levens

STEVE
MORRISREBEKAH
ISSACSJEORGES
JEANTY AND
TARIQ HASSAN
Terceira capa: Jeorges Jeanty/Tariq Hassan
 
Buffy está participando daqueles eventos de "encontros rápidos" para tentar arrumar um namorado, mas a coisa vai de mal a pior e ela logo deixa o lugar.

Xander e Dawn vão ao cinema e depois pensam em jantar juntos, mas a garota se sente desconfortável com a situação e dispensa Xander.

Willow está reunida em uma coven para discutir as mudanças das leis da magia; com ela está Saga Vasuki ou Aluwyn, uma demônia-cobra com quem Willow se envolveu romanticamente. Willow foi discípula de Aluwyn, mas agora esta afirma que a bruxa evoluiu e está no mesmo nível que ela. Aluwyn diz que pensava que Willow estaria feliz com a situação atual das duas, mas a garota está insegura, inquieta, corta a conversa e vai embora.

Giles por sua vez vai visitar sua antiga namorada [Olivia]. Ela se assusta ao ver um garoto batendo na sua porta e se dizendo chamar Giles! Quando a situação é esclarecida, desapontamento para Giles - é claro que Olivia não quer nem saber de se envolver com uma... criança.

Andrew está em uma festa - bacanal - promovida por uma coven de bruxas e feiticeiros. Logo na entrada ele é apresentado por sua guia Julie ao líder, Cliven, um homem mais velho, alto e careca, como possível par para ele... Andrew fica constrangido e diz que está ali atrás da poção Asclepian que pode criar um novo corpo - pela qual ele está interessado por razões puramente acadêmicas, não porque está se metendo em forças com as quais os homens nunca deveriam mexer... Julie explica a Andrew que a poção não cria um corpo do nada, ela transforma o corpo de quem a bebe no que a pessoa sempre sonhou em ser. Ela diz que Andrew pode tomar um gole, que o líquido nunca acaba e que nunca deu resultado em ninguém. Ele bebe e nada acontece. A garota insiste em dizer que Andrew está interessado em Clive, que ele nunca olhou para ela como olha para o líder da coven. Então, Julie pergunta para Andrew quem ele imagina beijando quando fecha os olhos... e Andrew diz:

Clive! Acho que eu sou gay!

Ele não aceita bem a descoberta, acha que é culpa da poção. Não tem muito tempo para pensar no assunto, pois o bacanal é invadido pelo Escultor (um monstro que constrói seu próprio corpo com pedaços de carne, inclusive humana), que também está atrás da poção. Julie manda Andrew entregar a poção ao Escultor - mas o garoto acaba de se transformar em um super-homem! Ele ataca o Escultor, que prefere fugir a acabar morto pelas mãos de Andrew.

Spike está em uma cena de crime com o Detetive Dowling, em um açougue; toda a carne foi roubada e o segurança teve o braço e as pernas arrancadas. Dowling acha que é trabalho de um lobisomem, mas Spike discorda, ele sugere que alguém está criando golems de carne. Dowling aproveita para avisar ao vampiro que uma das policiais com quem trabalha adora os livros de Anne Rice e está interessada nele, mas Spike diz que "está casado com o trabalho". Dowling fala que adora Buffy, mas acha que Spike deve dar chance para outras mulheres; ele mesmo está namorando uma policial de Los Angeles.

Bloody Hell, o cara tem namorada e já quer arranjar compromisso para todos os amigos! Eu estou indo agora mesmo para uma balada da moda, se quiser saber!

Minutos depois, o vampiro está em um sórdido bar frequentado por demônios, assistindo a uma partida de pôquer... ele pergunta aos jogadores se eles sabem alguma coisa sobre golems e um deles fala sobre o Escultor, que está em busca do corpo perfeito; Spike diz que já ouviu falar dele, durante a Primeira Guerra Mundial. Onde ele pode ser encontrado? Nas cercanias de abatedouros, cemitérios, necrotérios. Spike paga pela informação e o demônio diz que vai gastar tudo em... gatinhos. Eles estão jogando [kitten poker]...

Em casa, numa conversa entre garotas regada a sorvete, Buffy, Willow e Dawn falam sobre seus problemas amorosos: Willow comenta a falta de confiança que tem em relação a Saga Vasuki (Saga é realmente uma enganadora por natureza) e Dawn reclama que a irmã está forçando muito a barra para que ela volte a namorar Xander. Buffy argumenta que acha que os dois formam um belo casal e Dawn aponta o óbvio:

Olha quem está falando! Eu daria tudo para ter o que você e Spike têm - uma camaradagem divertida e sexy!


Buffy retruca que entre ela e Spike "têm muita história", mas Dawn não quer nem saber:

Isso foi antes dele ter conseguido a alma; você deu uma chance ao Spike depois disso? Até parece que você realmente não quer ser feliz!

Willow concorda com Dawn; Dawn deixa a sala e Buffy o apartamento, irritada por ter ouvido umas verdades...

Xander está tendo outra de suas conversas sobre o mesmo assunto com o fantasma de Anya - por que ela ainda está assombrando o ex-noivo, ele continua sofrendo por Dawn etc, quando alguém bate na porta: é Spike, que não pode pegar a chave no bolso por estar com as mãos ocupadas... por seis lindos e fofos gatinhos, resgatados do kitten poker! O vampiro diz que no dia seguinte vai arranjar lares adotivos para eles.

No corredor, Buffy se aproxima e ouve Spike dizendo para Xander que precisa sair para resolver "problemas urgentes referentes a um caso policial" e quando eles se encontram ela pergunta a ele se o caso pede alguma violência e se pode ir junto. O vampiro responde que sim e é claro que sim! e os dois vão até um cemitério onde encontram alguns golems para matar. Lutam juntos em harmonia, fazem piadas (ainda que sem graça), um casal sexy e divertido bem como disse Dawn. Trabalho concluído, Buffy chama Spike; quando ele se vira para ela Buffy o agarra pelo casaco e lhe dá um beijo!


Love Dares You - Part 2 (#12)
Megan Levens

STEVE
MORRISREBEKAH
ISSACS

Spike fica totalmente surpreso com a atitude de Buffy; ela explica que eles nunca se deram uma chance, depois que o vampiro conquistou a alma, e que se ele quiser, ela gostaria de tentar. Surpresa: Spike diz que não sabe se devem e Buffy reage dizendo que não está tentando brincar com ele. O vampiro pergunta se ela tem certeza e Buffy fica brava, acha que Spike a está acusando de querer magoá-lo. Spike argumenta que "não de propósito", mas reflete: quando ela o quis? Quando ele era um segredinho sujo, algo que ia contra tudo o que ela deveria representar. E ele continua: Xander sempre foi apaixonado por ela, mas que ela só se interessou pelo rapaz quando este revelou que estava apaixonado por Dawn... a mesma coisa com Angel: quando ele estava em Los Angeles trabalhando como detetive particular e poderia "brincar de casinha com ela", ela não o procurou - mas quando o vampiro se transformou em um deus louco (Twilight) a coisa foi diferente. E ainda dormiu com uma garota, mesmo não sendo gay* (Buffy fica brava por Xander ter fofocado sobre ela ter se interessado por ele e sobre a garota...).

*
Oitava Temporada

Segundo  análise de Spike, a Caça-Vampiros sempre quer aquilo que não pode ter. Então, se ele disser sim para o que Buffy está propondo, será que dali a um mês ela não vai ficar entediada e desenvolver uma paixão repentina por Andrew, Willow ou Giles? Depois de falar, Spike acha que exagerou no discurso, mas é tarde: Buffy diz que foi um erro a proposta e deixa Spike sozinho no cemitério.

Spike vai para casa e conta o que aconteceu a Xander. Xander o chama de idiota e Spike concorda que é mesmo. Xander fala que Buffy se abriu para o vampiro, baixou sua guarda e recebeu em troca rejeição, confirmando todo o seu medo de sempre acabar abandonada pelos homens de sua vida (começando pelo pai). Spike argumenta que Xander contou que fez o mesmo discurso para Buffy quando eles estavam no Tibete e a Caça-Vampiros descobriu sobre ele e Dawn, mas Xander retruca que no caso, ele estava apaixonado por Dawn e Spike é apaixonado por Buffy... Xander fala que Spike também é uma pessoa traumatizada - enquanto Buffy corre atrás do que não pode ter, Spike sempre é atraído por mulheres incapazes de manter um relacionamento: a louca Drusilla, a fútil Harmony e a própria Buffy quando estava em seu pior momento e odiava a si mesmo.*

*
Sexta Temporada

Spike quer ir imediatamente pedir desculpas para Buffy, mas Xander aconselha a ele ter calma - Spike acabou de cutucar a onça com vara curta e provavelmente qualquer coisa que faça vai parecer que está cutucando ainda mais e isso pode acabar em violência... a conversa dos dois é interrompida pelo Super Andrew, que entra violentamente no apartamento pela janela! Ele explica para os extremamente surpresos Spike e Xander que não pode voar, mas pula grandes distâncias! Acrescenta que uma grave crise está se desenrolando e ele precida da ajuda de seus super-amigos!

No apartamento de Buffy, Dawn e Willow estão reunidos Xander, Spike, Andrew, Clive e Julie. Os três últimos contam sobre o ataque do Lorde demônio e seus golems de carne à coven em Oakland e Giles confirma que é o Escultor. Buffy diz que ela e Spike eliminaram muitos golems no cemitério, mas o chefe não estava lá. Eles decidem que vão fazer uma busca em matadouros e açougues e Willow oferece dar um reforço de magia à Clive e Julie, o que eles aceitam imediatamente, pois são grandes admiradores da famosa Willow Rosenberg! Antes de sair, tanto Spike quanto Dawn querem "dar uma palavrinha" com a Caça-Vampiros; mas ela dispensa os dois, dizendo que há trabalho a se fazer e pede a Andrew para levá-la até alguma coisa que possa enfiar a faca.

O grupo - Buffy, Willow, Giles, Spike, Xander, Dawn, Andrew, Clive e Julie - encontra o Escultor em um matadouro e o enfrenta com magia, armas de fogo, armas brancas, a Foice e força bruta. Clive e Julie estão tendo dificuldades com os feitiços e Super Andrew vem ajudá-los, rasgando os golems de carne feito papel. O Escultor se divide no meio, seu exército em pedaços, mas ele próprio consegue escapar. Clive fica emcionado e diz que não sabe como agradecer Andrew por ter salvo sua vida - super Andrew sabe: ele pega Clive nos braços e lhe dá um beijo! Xander comenta "viram isso?" ao que o pequeno Giles responde irritado:

É, eu sei que é o verão do amor para todo mundo, menos para mim. Agora cale-se que preciso queimar toda essa carne antes que nós sejamos contaminados pela praga!

Clive diz para Andrew que foi bom, mas que está surpreso, nem sabia que ele gostava de meninos. Andrew diz que ele próprio não sabia, até agora; que decidiu dar uma boa olhada para si mesmo e ser realmente honesto sobre quem ele é e o que- Andrew, que ainda está segurando Clive em seus braços, sente que o homem está ficando muito pesado e volta a ter seu corpo normal - o efeito da poção passou. Ele fica sem jeito com a situação toda e larga Clive. Xander vai até Andrew e o congratula por finalmente ter saído do armário e que todo mundo já sabia e que tudo bem; Andrew, mais constrangido ainda, vai embora...

Ainda no abatedouro, Spike não perde tempo e vai pedir desculpas para Buffy pelo que falou no cemitério, mas ela diz que não é necessário, pois ele tem razão - se Andrew pode olhar para dentro de si e ser honesto sobre ele mesmo, ela também pode fazer isso. Buffy diz que se precipitou ao beijá-lo; que Spike significa tanto para ela, não só por estar sempre ao seu lado quando mais precisa, mas também para falar as verdades que ela tem que ouvir, como aconteceu no cemitério. Que a forte amizade que os dois têm agora foi uma grande conquista e que ela não quer perder isso. Que qualquer outro cara teria se aproveitado da situação e transado com ela e só depois teria trazido à tona os possíveis problemas do relacionamento, que ele fez a coisa certa. E Spike concorda com tudo o que Buffy acabou de dizer... mas revela que existe um pequeno problema nessa linha de raciocínio: ele é apaixonado por ela. Buffy fica sem palavras; olha ele nos olhos. No minuto seguinte, lá estão os dois no apartamento de Spike derrubando as preciosas figuras de ação de Xander por todo o chão, se agarrando feito loucos a caminho do quarto...

Em outra sala, Dawn, Xander e o jovem Giles escutam a confusão que o casal está promovendo e decidem que Buffy e Spike devem estar "fazendo sanduíches"... Giles não acha nada engraçado, pois ele não pode transar, diz que é um desrespeito:

Eles não sabem que tem gente que está condenada a anos de celibato forçado?!!!

Xander e Dawn tentam consolar Giles, tentando apresentar a ele coisas que seriam melhores do que sexo, mas a emenda é pior que o soneto, como dizem... o menino Giles sai da sala bastante irritado...

Na cama, com Buffy dormindo em seus braços, Spike está com medo de pegar no sono - porque a Caça-Vampiros pode não estar ao lado dele quando ele acordar no dia seguinte.*

*
Foi o que aconteceu em Touched/Sétima Temporada

Finalmente, Spike dorme. Infelizmente, tem um pesadelo assustador - ele acaba de matar um casal de namorados que passeavam na rua. Spike acorda apavorado, transformado em vampiro; ele senta na cama e tenta se acalmar, dizendo a si mesmo que foi apenas um pesadelo, nada mais. Ao seu lado, Buffy continua dormindo, com um belo sorriso no rosto.


Love Dares You
- Parte 3 (#13)
Megan levens

STEVE
MORRISREBEKAH
ISSACS

Amanhece. Parece que depois do pesadelo, Spike não conseguiu voltar a dormir: ele está sentado na cama e tem um... gatinho no colo!*

*
Um dos seis resgatados pelo vampiro em Love Dares You - Part 1

Buffy acorda, olha com carinho para Spike e fala "hey!" Spike devolve o "hey!" e Buffy pergunta se por acaso ele não se tornou mau... e logo se desculpa:

Lugar e hora errada para mencionar um ex... boca um, cérebro zero! Nem é preciso dizer que não sou muito boa em "dias seguintes"...*

*
Angel transou com ela e perdeu a alma... depois, Parker dormiu com ela e a tratou como lixo na manhã seguinte...

Buffy docemente repete a pergunta e Spike diz que não, não está pior do que o usual... Buffy acha que ele está estranho, já estava antes mesmo dela falar qualquer coisa. O vampiro desconversa, apenas diz que foi um sonho ruim que teve. Os dois se beijam e Buffy comenta que é injusto vampiros não terem bafo matinal, mas Spike a consola dizendo que as vezes ele tem coágulos de sangue entre os dentes...

Spike pergunta para Buffy se ela tem algum compromisso, caso contrário eles poderiam "discutir" o estado de maldade dele; diz que não se sente mau, mas acredita que ultrapassou os limites... Buffy também acha que ele ultrapassou os limites durante a noite, mas só para ter certeza, eles deveriam "ir à campo e fazer um teste"... Neste momento, o celular de Spike toca; é o detetive Dowling chamando; o vampiro reclama que parece que todos os ex-namorados de Buffy querem sabotá-los! Buffy indignada diz que teve apenas um meio-encontro com Dowling, ele nunca foi seu namorado! Spike precisa ir checar um cena de crime com possível envolvimento de vampiros. Buffy oferece ajuda, mas Spike diz que é a parte chata, é só para ter certeza de que é um crime supernatural.

Quando Spike chega à cena do crime, a surpresa é grande e bastante desagradável - o casal de jovens mortos (por mordida de vampiro) é o mesmo de seu sonho; o ataque foi brutal e há sangue espalhado por todo lugar (o que é incomum em um ataque de vampiro). Apavorado, Spike vai direto falar com Xander, em quem confia: ele conta sobre o pesadelo e o casal assassinado e Xander imediatamente se arma com uma estaca e um crucifixo! Afinal, Spike foi uma vez controlado pelo Primeiro Mal e andou matando muita gente sem saber* - e pode estar perigoso novamente...

*
Buffy Sétima temporada

Mas logo Xander deixa as armas de lado e diz a Spike que foi muito bom ele o ter procurado, mas que eles precisam falar com Willow e Giles. A princípio, Spike não quer ir falar com eles, pois diz que os dois ainda não confiam muito nele; Willow, vai ficar protetiva em relação à Buffy, por causa do que ele fez antes de ter uma alma e Giles... ainda mais agora que ele e Buffy estão juntos. Xander diz que não há outro jeito, pois ele mesmo não pode fazer nada; fala que tudo vai ficar bem, que a bruxa e o ex-Guardião são seus amigos...

Xander e Spike vão até o apartamento de Giles e no minuto seguinte, o vampiro está flutuando no meio da sala, preso por uma "corda" mágica... Willow e Giles argumentam que não podem ter certeza se Spike está sendo controlado por algo ou alguém e terão que fazer muitos (e dolorosos) testes nele. Xander fica do lado de Spike, pedindo aos dois que confiem no vampiro e o soltem. Mas Spike sabe que é preciso investigar o que está acontecendo com ele e só pede para que não contem nada para Buffy enquanto não tiverem uma resposta; ele pede a Xander que diga para Buffy que ele está ocupado com a Polícia e a leve para algum lugar para distraí-la. Willow e Giles, a princípio, não concordam, mas Xander diz que Buffy não ficaria nada contente se soubesse que os dois estão tratando o morceguinho dela como um criminoso, sem provas...

Xander convida Buffy para ir junto com ele falar com Andrew, que depois do beijo que deu em Clive, anda sumido. Na casa do garoto, eles conversam sobre ele ser gay; que todo muito sabia e Andrew se pergunta porque ele mesmo não sabia... que só depois de tomar uma poção mágica é que ele se descobriu, se conheceu. Andrew diz que naquela hora (do beijo), Xander foi o único que fez um discurso sobre o quão legal era Andrew finalmente ter "saído do armário", de ter achado aquilo realmente importante, enquanto que os outros só pensaram "até que enfim!" e que para ele, Andrew, foi uma coisa importante. Ele agradece a Xander pelo que falou e diz que fugiu do lugar na hora porque perdeu os superpoderes que a poção lhe tinha dado e achou que Clive não estaria interessado no garoto que ele é. Xander diz que Andrew evitava encarar o que ele realmente é e agora está evitando encarar a situação.

Buffy diz para Andrew que ela mesma é culpada de não ver certas coisas que estão na sua frente; parece estar falando sobre ela mesma:

Você comete um erro atrás do outro e promete para si mesma que ficará atenta e não fará a mesma coisa nunca mais... Mas você faz, porque duas situações nunca serão exatamente as mesmas. Coisas novas são assustadoras. Então você pensa em fazer o que é confortável, aquilo que faz você se sentir segura. Mas se você tentar, pode sair machucada, de um jeito pior do que foi antes... mas também pode ser feliz...

Enquanto isso, no apartamento de Giles, um Spike está sofrendo as piores torturas... Willow e Giles usaram diversos feitiços e nada descobriram. Spike não se importa - ele acha que se não tiver sendo controlado por algo ou alguém, então é uma parte dele mesmo que está matando... Willow então decide usar um feitiço de Sonolência em Spike. O que eles (Will e Giles) veem é uma imagem projetada pela mente de Spike: um casal de vampiros em uma parte da cidade. Eles ligam para Buffy e Xander (que já tinham saído da casa de Andrew) e dão o endereço, dizendo que tiveram uma informação sobre um ninho de vampiros no local, sem entrar em detalhes.

Buffy e Xander chegam no prédio abandonado e lá estão os vampiros: os mesmos dos sonho de Spike. A Caça-Vampiros os mata rapidamente, mas de repente o lugar começa a pegar fogo e os dois mal conseguem escapar - era uma armadilha! Xander, apavorado, diz a Buffy que tem uma coisinha que ele deveria ter contado a ela...

No apartamento de Giles, Spike (livre agora), acabou de falar com Dowling; segundo o Detetive, o casal morto foi guardado no necrotério com toda a proteção anti-vampiro - cruzes e alho - mas os corpos sumiram... Willow lembra que não poderia ter sido Spike quem roubou/liberou os corpos e neste momento uma Buffy muito brava chega ao apartamento. Ela não gostou nem um pouco de seus amigos estarem conspirando às escondidas. Quando Spike diz para ela ter calma, que foi ele quem pediu para que eles não contassem nada - pelo menos até saberem mais - porque estava com medo de perdê-la, Buffy fala que mentindo para ela não é a maneira correta de evitar isso. Spike diz que sabe disso e que vai contar tudo; então ele pede para ficar sozinho com a namorada.

Giles, Willow e Xander saem e ficam no corredor. Giles diz que está com pena de Spike, porque eles não conseguiram descobrir nada. Xander fala que contar tudo para Buffy é a melhor coisa a se fazer, com certeza; guardar segredos não leva a nada de bom. Neste momento, Dawn chega da faculdade e pergunta por que todos estão no corredor - estariam Spike e Buffy transando de novo? Xander sai com ela para contar tudo o que aconteceu.

Willow, ouvindo o que Xander disse sobre confiança, decide procurar Aluwyn e terminar tudo com ela, pois a demônia-cobra é uma enganadora por natureza. Willow diz que não se sente segura com ela, que não pode confiar nela, que ela é uma jogadora, que esconde a verdade e sabe que ela não mudará nunca. Aluwyn diz que pode tentar mudar, mas Willow fala que imortais não mudam, que ela não quer que Aluwyn mude, mas que ela, Willow mudou. Aluwyn diz que não precisam ter um relacionamento monogâmico, mas Willow está decidida e termina tudo com ela - o que não é bem aceito por Aluwyn.

Willow é teletransportada para casa pela ex-amante e encontra Buffy se consolando com um enorme pote de sorvete; ela conta que terminou com Aluwyn, que seres imortais não mudam - notando que só mesmo Spike mudou, conseguiu sua alma de volta e desde então é um cara muito legal. Willow pergunta se a Caça-Vampiros terminou com o vampiro, e Buffy diz que não. Parte dela queria, mas ela tem essa mania de fugir das coisas, se punir, se sentir como se não merecesse ser feliz.

Mas ele me faz feliz. Ele realmente se importa comigo. Eu gosto de quem sou quando estou com ele. Eu gosto do que somos quando estamos juntos. Então, não vou me precipitar desta vez. Vou descobrir o que ou quem está fazendo isso com Spike... e vou derrotá-lo. E então, vou saber se Spike é quem eu espero que seja... ou quem eu temo que ele seja.

Willow diz que descobrir uma destas coisas vai ajudar a desvendar a outra...



Relationship Status: Complicated - Parte 1 (#14)
Rebekah Isaacs
22ABR2015

STEVE
MORRISREBEKAH
ISSACS

Buffy, Spike, Willow, Xander, Dawn e Giles estão reunidos no apartamento deste último; a ideia de Willow é fazer um feitiço para examinar a mente de Spike e determinar exatamente qual é o inimigo com quem eles estão lidando. A criatura deve ter uma ligação com Spike, pois o vampiro não só está vendo os assassinatos cometidos por ela, como está se vendo cometendo-os.

Para isso, alguém do grupo terá que "entrar" na cabeça do vampiro para coletar informações e Spike pergunta a Xander se ele poderia fazer isso; Willow, no entanto, explica que terá que ser alguém com força supernatural, pois ao enfrentar quem quer que seja o inimigo, esta pessoa correrá até risco de vida. Ela própria e Giles terão que fazer o feitiço, então só resta... Buffy.

Spike fica desconfortável com a ideia da Caça-Vampiros rondando seus mais íntimos pensamentos e insiste que seja Xander; Buffy pergunta qual é o problema em ser ela e Spike explica que a cabeça dele é uma bagunça e tem coisas que ele não gostaria que a namorada visse...

Buffy diz que se sentiria do mesmo jeito e que sabe o que ele fez quando não tinha uma alma e Spike diz que uma coisa é saber, outra é sentir. Buffy promete que não vai ficar espiando as memórias dele, não mais do que o necessário, e Spike pergunta "e se você não gostar de como eu sou realmente?" Buffy argumenta que pessoas já morreram e podem haver ainda mais vítimas e o cara que Spike é agora jamais permitiria isso - e o namorado concorda que não há outro jeito... antes de começaram o processo, Buffy chama Spike, lhe dá um beijo e diz "Boa sorte!", o que provoca o comentário nada sensível de Xander: "Foi a mesma coisa que a Princesa Leia disse para o Luke* e no final eles eram-" Dawn dá um tapão na cabeça do ex-namorado...

*Guerra nas Estrelas: Leia e Luke eram irmãos...

No escritório de Giles, Spike e Buffy estão deitados no chão, em uma cama improvisada; Spike tem que estar dormindo, pois foi quando o inimigo atacou pela primeira vez. Giles adverte que para o feitiço funcionar, Spike não pode resistir a ele, ao que o vampiro responde:

Eu estou plenamente de acordo, se a coisa não funcionar, não me culpe pela sua falta de habilidade mágica-

Spike não consegue nem terminar a frase e já está dormindo profundamente... Buffy fica impressionada e pergunta a Giles se é só impressão dela ou ele está ficando cada vez melhor em magia. Giles responde que ele costumava reprimir seu talento para magia, mas agora, que está revivendo sua juventude novamente, não faz mais isso. Buffy, se pergunta em voz alta, se Spike teria razão - dela terminar não gostando do que ele realmente é - e Willow fala que:

Se ver algo de que não se gosta dentro da pessoa com quem se está faz você não querer estar com a pessoa, talvez seja melhor não ficar com ela.

O feitiço tem início: guiada por Willow (que somente vai ter impressões emocionais e ouvir e falar com Buffy), Buffy entra na mente de Spike. A princípio, ela não entende o que está acontecendo; ela se vê no quarto de Spike - dois gatinhos brincam perto da mesinha de cabeceira - e Willow diz que é por causa da memória mais recente e mais importante que Spike tem, e logo Buffy constata que é o caso: ela se vê na cama, transando com Spike... A Caça-Vampiros fica sem jeito em ver a cena "de outra perspectiva" e Will a tranquiliza, dizendo que não está vendo nem ouvindo nada...

De repente, Buffy diz a Willow que está sentindo uma onda de emoções chegando - ela vê Spike em diversos momentos recentes: ele com o livro Vampyr nas mãos (pensando que poderia estar escrito ali que ele e Buffy poderiam ser felizes para sempre), ele com os 6 gatinhos que resgatou, ele falando com o amigo Dowling, a recente conversa dele com Buffy na cratera de Sunnydale. A Caça-Vampiros diz que está sentindo o que Spike sente. Muito emocionada, Buffy diz

Ele, ele... realmente me ama, Will. Eu posso sentir. Não é um amor puro de livro de romance... tem medo e desejo... dúvida sobre si próprio, de que ele não merece isso... uma vontade de fugir... que se machucar agora é melhor do que mais tarde. Algumas vezes eu o deixo maluco. Às vezes ele pensa que estaria melhor com outra pessoa. Ou sozinho. As mesmas coisas que eu sinto às vezes, também, mas nunca falei. Mas tudo isso é temporário. Transitório. O que fica, o que está sempre lá é... amor.

Buffy chora de emoção.

Will diz que é uma coisa boa, que sabe que Buffy gostaria de ficar por ali, mas é preciso seguir em frente. Buffy continua em sua jornada, dizendo que está se aproximando das memórias de quando Spike deixou a cidade no ano passado - e o que vê a deixa um tanto quanto furiosa: Harmony segurando um par de algemas...

PQP, ele dormiu com Harmony?!!!

Willow lembra a Buffy que eles não estavam juntos na época e a amiga reclama que Will não tem que ver o que ela está vendo, é Harmony demais para o gosto dela! Willow diz que Buffy não está viajando no tempo, mas através das memórias de Spike; pede a Caça-Vampiros que olhe para Harmony mais uma vez e depois veja ela própria, e sinta a diferença. Quando Buffy o faz, ela fica até sem jeito: para Spike, sua amada Caça-Vampiros é perfeita e há até uma aura brilhante ao redor dela! Buffy pede desculpas pelo descontrole, que as coisas estão muito intensas, e Will pede que ela continue, procure alguma coisa mais específica - e acrescenta que as coisas vão ficar ainda mais intensas.

A próxima visão é de Spike transformado em vampiro, a boca cheia de sangue e uma mulher morta em seus braços - a mulher do sonho. Willow diz a Buffy para que se lembre que esta memória é falsa, que não foi Spike o autor deste assassinato, com certeza. Pede a ela que procure algum sinal de quem é o verdadeiro matador, que pode não ser algo óbvio, mas algo como o brilho que ela viu nela mesma, por exemplo. Buffy diz que está vendo uma trilha escura e que vai segui-la; que sabe para onde está indo: para o passado de Spike. Willow comenta que sabe que há uma ligação entre o asssassino e Spike e que está ligação pode ser bem antiga e pede que Buffy seja cuidadosa, pois a cada momento as coisas ficam mais perigosas.

Buffy vê então outro momento das memórias de Spike: quando ele recebeu sua alma de volta. A dor foi insuportável - ela a sente por completo - e mais uma vez, fica impressionada pelo que o vampiro fez por amor a ela:

E ele escolheu isso, Willow! Mesmo sem uma alma, ele optou por passar por isso... por mim.

Willow comenta que a conexão de Spike com o alvo é anterior a este acontecimento, como ela já imaginava; Will diz para Buffy continuar, que a pista está ficando mais forte a partir de agora e que tudo vai ficar mais difícil.

Buffy vê o Spike sem alma: entre outras atrocidades cometidas por ele, ela o vê matando a Caça-Vampiros [Nikki] em Nova Iorque - e ela sente o quanto Spike gostava de matar. Willow diz que Buffy sabia que isso aconteceria e a amiga diz que sim, sabia; Will acrescenta que este assassino não é mais o Spike de agora e Buffy repete "eu sei, eu sei", fechando os olhos, horrorizada. Logo ela diz que está bem e que vai focar no alvo da missão e ignorar o resto.

A trilha escura a leva até o momento em que Drusilla transformou William em vampiro - e ela acha que a jornada foi em vão.... mas de repente, a Caça-Vampiros é sugada para dentro da boca de Dru e tudo que ela passa a ver é a própria Drusilla. Buffy já não comanda a jornada: é como se estivesse em uma montanha-russa; ela vê Angelus transformando Drusilla, Darla tranformando Liam (Angel) e finalmente... o [Mestre]. Buffy grita para Will que não está aguentado mais, cai no chão e sente o baque. Willow começa a perder o contato com a Caça-Vampiros... e Buffy se vê, finalmente, frente à frente, com o inimigo, um monstro gigantesco:

Caça-Vampiros! Que bom que você veio me visitar! Eu sou Archaeus. Bem vinda ao meu humilde inferno!

ArchaeusArchaeus ataca Buffy, tentando esmagá-la com sua enorme garra; a Caça-Vampiros chama por Wllow, pedindo que a tire dali. Na biblioteca de Giles, Will tenta acordar Buffy, sem sucesso; então ela pede a Giles que acorde Spike, mas ele também não consegue, a princípio. Spike de repente acorda e com ele, também Buffy.

Buffy diz que estava numa dimensão infernal e o demônio não queria deixar ela sair de lá. Mas ela conseguiu derrubar a ilusão e escapar, não sem antes ver onde o monstro está escondido: ele está em nosso mundo, em San Francisco! Buffy diz que seu nome é Archaeus e Giles explica que o nome significa "antigo" e que ele o reconhece: foi o demõnio que tomou residência no Mestre, depois que este foi transformado em vampiro. Enquanto conversam, Dawn e Willow estão com um kit de primeiros socorros cuidando de Buffy (que foi ferida na barriga por Archaeus) e Xander providencia um copo de sangue para Spike.

Xander explica que um vampiro nasce quando a essência de um demônio entra no corpo do humano morto e pergunta se isso significa que seria sempre o mesmo demônio que... Giles completa que é a teoria mais aceita pelos Guardiões, significando que a mesma essência entrou no Mestre, em Darla, em Angelus, em Drusilla e em Spike... o que explicaria o motivo de Spike ter tido o sonho e de ter se visto cometendo os crimes.

Ainda meio tonta, Buffy comenta:

Angel... e Spike? Eu literalmente me apaixonei pela mesma pessoa duas vezes?

E Spike:

Dru, também? Eu transei comigo mesmo?

E, se dando conta do que Buffy acabou de dizer, olha para ela e pergunta:

Você disse se apaixonou?

Buffy disfarça, olha para o lado...

Giles diz que não é assim tão simples. Um vampiro não é apenas um demônio. É a combinação da essência dele e da personalidade do humano que ele tomou... geralmente, as piores características predominam. Mas com demônios tão poderosos como Archaeus, existe um linha em comum... que pode exercer uma influência em seus "descendentes".

Willow diz que se Archaeus está por aqui ele deve ser imediatamente detido e pergunta a Buffy se ela sabe onde é o seu esconderijo; a Caça-Vampiros diz que fica no cais, se ela ver o lugar, ela o reconhece. Eles se preparam para sair, mas antes Spike pede para falar com Buffy.

Sobre o que você viu...

Buffy o tranquiliza:

Você estava certo. Tinha muita coisa ruim. E algumas coisas tão lindas, que valem mais do que um séculos de coisas ruins. Vou ser honesta: preciso processar tudo o que vi e vai levar um tempo para eu saber como me sinto. Quando eu souber, eu falo pra você.

No porto de San Francisco, Buffy, Spike, Willow, Giles, Xander e Dawn entram em um armazém abandonado; Giles nota que tudo está silencioso, não se ouvem nem os pássaros ou os leões-marinhos. De repente, eles são atacados por criaturas gigantes, parecidas com morcegos (provavelmente vampiros da nova geração), mas eles nem tem tempo de fazer alguma coisa, pois Archaeus em pessoa aparece diante deles!

Willow não consegue atacá-lo, pois ele usa um escudo de magia; Archaeus vai pra cima da bruxa e a fere com uma de suas pernas de aranha que saem de suas costas. Buffy vai ao socorro da amiga, fazendo Archaeus dizer que não quer mais distrações e mandando Spike matar a Caça-Vampiros. Spike grita que não funcionará com ele, pois, apesar dele ter uma parte nojenta de Archaeus dentro de si, ele tem uma alma e isso sempre prevalecerá. Archaeus diz que vai testar esta teoria: então fere Buffy e ela sangra; ele manda Spike sentir o cheiro do sangue da Caça-Vampiros, pois não há nada igual no mundo. Buffy diz para Spike que ele pode lutar contra isso, que ele já passou por coisas piores e Spike responde que não vai ceder. Buffy reforça que sabe que a última coisa que ele faria seria machucá-la. Spike, neste momento, esconde sua face com as mãos, apavorado... e diz para Buffy correr. Ele então se transforma em vampiro e a ataca.


Relationship Status: Complicated
- Parte 2 (#15)
Rebekah Isaacs
20MAI2015

STEVE
MORRISIsaacs

Spike está em cima de uma Buffy ensanguentada, com Archaeus o incitando mais e mais - na mente do vampiro, ele se vê matando as duas Caça-Vampiros (na China em em Nova Iorque), com Archaeus o lembrando quanto era bom matar

Matar alguém que apenas existe para exterminar o que você é, que foi criada para ser melhor do que você, de como você se sentia vivo, apesar de já estar morto. O cheiro do medo dela, o gosto de seu sangue - não existe droga mais poderosa. E não há nada que você queira mais do que sentir isso de novo!

A Caça-Vampiros quase já não consegue mais se manter longe das garras e dentes do vampiro; Xander implora a Willow que quebre o controle de Archaeus sobre Spike e a bruxa diz que está tentando, mas está difícil... Com Spike em cima dela, Buffy reafirma que ele é capaz de quebrar o controle que Archaeus tem sobre ele, por causa de sua alma, mas parece que de nada adianta.

Por favor, eu não sei como parar você sem te matar...

Archaeus continua tentando Spike, dizendo para ele se lembrar de como era bom matar; Spike volta às suas lembranças de quando matou a Caça-Vampiros chinesa, de como era bom, mas nestas lembranças, uma coisa está diferente: Buffy está nela, olhando horrorizada para a cena. No breve momento que a visão da namorada o distrai, Buffy consegue se livrar de suas garras usando a Foice. Mas logo, o vampiro ataca novamente; Dawn vendo a irmã em perigo, diz para ela que Spike vai matá-la, que ela deve lutar contra ele - e Xander, ainda que a contragosto, concorda. Buffy diz "desculpe" e parte para cima de Spike com a parte de madeira da Foice, a fim de estaqueá-lo - mas na última hora, muda de ideia, muda a posição da Foice e Spike morde o cabo. Buffy fala que não vai machucar Spike, que não é hora ainda.

Você não é meu inimigo Spike. Nós... nos gostamos. Nós confiamos um no outro.

Neste momento, Buffy deixa a Foice cair no chão. Archaeus vibra de contentamento; Dawn fica horrorizada, Giles pergunta se ela enlouqueceu.

Eu não posso matar você. E eu sei que você não vai me matar. Lembre-se de quem você é Spike. Eu vi. Eu vi você. Você é melhor do que isso. Eu aposto minha vida.

Spike então a agarra e mira seu pescoço - ele vai mordê-la. Mas novamente, em sua mente, ele compara os assassinatos das duas Caça-Vampiros e sua doce Buffy observando horrorizada. Ele vê tristeza em seus olhos. Ele lembra do amor. E o controle de Archaeus se desvanece.

Eu não sou você... eu não pertenço a você. Eu não sou marionete de ninguém, nunca mais.

Spike ataca o surpreso Archaeus com a Foice que ele pegou do chão, pedindo desculpas pelo momento de fraqueza e assegurando de que não vai acontecer novamente. Willow, ainda que ocupada com os feitiços, diz que nunca duvidou dele nem por um minuto. Archaeus está furioso, chama a todos de idiota, dizendo que é um Lorde do Inferno e consegue jogar Spike para longe; a Foice cai nas mãos de Buffy; os Scoobies estão lado a lado agora, Dawn entrega a espada para Spike e Buffy declara:

Nós somos uma família!

Archaeus responde que então eles vão morrer juntos. Neste momento, Xander olha à sua volta e repara em como o galpão onde eles estão foi construído: com colunas sustentando as paredes (nada mais natural, pois ele trabalha com construção). Archaeus diz que gosta de matar fazendo com que seus inimigos se voltem um contra os outros, fazendo-os miseráveis, mas se isso não funciona, um massacre também serve. O demônio, enorme, ataca, e usa mágica para jogar Willow para longe. Xander vai até ela, preocupado, e diz que eles não estão no nível de Archaeus, que as coisas estão bem ruins para todos eles. Ele diz que precisam sair dali imediatamente e Will diz que não sabe o que fazer; mas Xander tem a solução.

Spike e Buffy estão lutando contra Archaeus, mas é visível que ele está vencendo a batalha. Xander então os chama, para que venham todos para perto dele. Giles e Willow começam um feitiço, e Archaeus lembra que eles não têm poder sobre ele, mas Will retruca que as paredes é que vão sentir o estrago. Derrubada as colunas por magia, o prédio começa a desabar; os Scoobies correm para fora, enquanto Archaeus grita ameaças, dizendo que William the Bloody negar sua herança é inútil, que ele não tem como escapar, nem ele nem nenhuma de suas crianças.

Em segurança lá fora, Dawn pergunta se Archaeus está morto e Xander diz que de jeito nenhum, que o que eles ganharam foi tempo, ao que Giles responde que gostaria de saber o que fazer com ele.

Spike e Buffy estão deixando o lugar; o vampiro quer falar com ela sobre o que acabou de acontecer. Ela diz que está tudo bem, que ele se libertou do controle, que ela sabia que ele conseguiria. Spike diz que ele foi levado a recordar os velhos, tempos, os triunfos de quando era mau. Ele diz que gostaria de falar que ficou horrorizado com tudo, mas que isso seria uma meia-verdade, pois ele sentiu também a emoção de matar, da caça; que esse é o segredo: ter uma alma não o faz esquecer do desejo.

Mas eu vi você lá, por causa da viagem que você fez em minha mente. Eu vi o jeito que você me olhou. Isso me lembrou de quem eu sou agora, de quem eu quero ser. E de repente, o desejo não importava mais. Aquele demônio estava certo: ele é dono de uma parte de mim, mas da outra, eu sou. E você me deu força para mantê-la. O que quer que aconteça a partir de agora... se você não quiser mais nada comigo, depois do que você viu... eu nunca vou poder te agradecer pela força que você me deu.

Buffy responde, tocando seu rosto:

Eu não te dei nada do que você não tenha me dado.

Eles se dão as mãos e começam a caminhar.

Todos os dias.

Mais tarde, no apartamento de Buffy, Willow e Dawn. Xander vai falar com a ex-namorada; Dawn está em seu quarto, no computador. Ele começa dizendo que eles quase morreram naquela noite; lembra de Andrew, que corajosamente resolveu ser honesto com ele mesmo (se revelando gay). E Willow, rompendo com a namorada-cobra porque ela cresceu, mudou, o que jamais acontecerá com Aluwyn. Ambos - Andrew e Willow - admitiram seus sentimentos finalmente. Dawn acha que Xander vai dizer que a ama, mas que sabe como ele se sente e que este não é o problema: o problema é como ela se sente, ela não o ama mais. Se ele está pedindo para que os dois voltem a ficar juntos... mas Xander a corrige: ao contrário, ele acha que eles devem seguir em frente, que os dois estão no mesmo lugar, parados, e que isso não está funcionando. Ele quer somente ser amigo dela sem a pressão de forçar um relacionamento do passado. Se alguma coisa surgir daí, tudo bem. E se não acontecer nada, tudo bem também. Dawn pergunta se isso involve poder namorar outras pessoas e ele diz que não quer se apressar quanto a isso, mas se ela quiser, tudo bem.

Na sala, Buffy, Giles, Spike e Willow dicutem a situação. Giles reconhece que Archaeus é muito poderoso, que eles mal escaparam dele com vida. Spike lembra de D'Hoffryn e da namorada-cobra de Willow, como possíveis aliados, mas Will fala que Aluwyn deixou nossa dimensão depois que as duas se separaram e não deve estar de muito bom humor para querer ajudá-los. Giles argumenta que D'Hoffryn é um político nato - ele vai escolher o lado que está ganhando e neste momento não são eles. E, por causa do que Archaeus disse em sua "despedida", eles têm o dever de avisar... Spike levanta os braços para o alto, como se se desse por vencido e diz que é hora de fazer a ligação. Buffy comenta que vai ser constrangedor e Willow diz que em qualquer hora que este reencontro acontecesse, iria ser constrangedor; só que Buffy conseguiu que fosse na hora em que o constrangimento será muitas vezes maior...

Spike vai para outra sala, fazer a ligação de seu celular; Giles o segue. O ex-Guardião diz que sabe como o vampiro se sente e Spike reclama que Buffy sempre escolhe ele, sempre. Giles diz que recentemente, no entanto, ela o mandou embora; Spike responde

É, por ter te matado. E agora você está vivo novamente. Muito obrigado.

Giles dá um conselho a Spike, dizendo para ele imaginar um Giles adulto e não um adolescente de voz fina: a melhor maneira de Spike enfrentar a situação é se mostrar em sua melhor forma. Se conduzir de uma maneira madura e educada. Ao que o vampiro responde:

Maturidade e educação. Certo.

Spike tecla os números e fala

Alô wanker!

Do outro lado da linha quem atende é Angel...

A essas alturas eu já devia ter bloqueado o seu número!


CONTINUA: [#16 - #30]




[VOLTAR]